Engenheiro do Google explica novo Caffeine

Home/Sem categoria/Engenheiro do Google explica novo Caffeine

Engenheiro do Google explica novo Caffeine

Engenheiro do Google explica novo Caffeine

Novo sistema de indexação do Google substitui cadastro em camadas por segmentos
O engenheiro do Google responsável pela qualidade dos serviços de buscas, Matt Cutts, explicou, ontem, como funciona o Caffeine, novo sistema de indexação implantado pela empresa na quarta-feira.Segundo o Google, o Caffeine é uma nova forma de indexar os dados publicados na web nos servidores da empresa, substituindo o antigo sistema de camadas por segmentos.

Cutts disse que o novo sistema foi dividido em dez segmentos (geral, imagens, vídeos, blogs, mapas etc.), disponíveis à esquerda na página de resultados.

Caso o usuário queira encontrar somente os últimos dados indexados, basta ele clicar em Mais recentes, e depois em Últimas 24 horas. O momento exato no qual o site foi indexado ao servidor não fica disponível.

No antigo sistema de indexação, o índice era dividido em camadas, que possuíam um ritmo diferente de atualizações. Para atualizar uma camada, era preciso analisar toda a web, o que significava que havia um atraso entre o momento em que um conteúdo era publicado até o momento em que ele disponibilizado para busca.

“Agora, o Google é capaz de indexar um novo post de um blog em cerca de um minuto. Essa mudança foi como alterar o motor de um carro com o veículo em movimento”, comparou Matt.

Para manter a eficácia, o Caffeine manteve o sistema de PageRank, onde dá prioridade de indexação aos sites com maior audiência e maior número de links direcionados.

Questionado se o novo sistema não seria mais uma estratégia de marketing da empresa, Cutts disse que o seu desenvolvimento exigiu um longo tempo de trabalho dos desenvolvedores e que eles estão contentes com os resultados.

Com projeto divulgado inicialmente em agosto do ano passado, o Caffeine está disponível em todos os idiomas e não exige nenhuma alteração dos usuários para ativá-lo.

No vídeo abaixo, Cutts explica como funciona os mecanismos de busca:

About the Author:

Leave A Comment